Publicado em Deixe um comentário

Boletim ao vivo | Transferência de quatro anos é considerada definitiva e exime banco do pagamento de adicional

Compartilhar:

                         Baixe o áudio
      

 

A Sexta Turma do Tribunal Superior do Trabalho excluiu da condenação imposta ao Banco do Brasil S.A. o pagamento do adicional de transferência a um bancário que ficou quatro anos no local da última mudança. A decisão da Turma seguiu o entendimento do Tribunal, que considera indevida a parcela quando a permanência do empregado em outra localidade se der por período superior ou igual a três anos.

Ouça os detalhes na reportagem com Anderson Conrado.


Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.