Publicado em Deixe um comentário

Série D: Campinense-PB e América-RN perdem chances e ficam no zero

Compartilhar:

A ausência de pontaria de Campinense-PB e América-RN explica o empate sem gols desta sexta-feira (27), no estádio Governador Ernani Sátyro, o Amigão, em Campina Grande (PB). Paraibanos e potiguares criaram várias oportunidades, mas as desperdiçaram com a mesma facilidade. O duelo pela 14ª e última rodada da primeira fase da Série D do Campeonato Brasileiro teve transmissão ao vivo da TV Brasil.

O resultado pouco impactou os times, que estavam com os destinos sentenciados. Líder do Grupo 3, o América foi a 28 pontos, enquanto o Campinense, com 15 pontos, despediu-se da Série D com o sexto lugar da chave. O Mecão, que segue na competição, enfrenta na segunda fase o Coruripe-AL, quarto colocado do grupo 4. As datas e horários das partidas de ida e volta ainda serão anunciados pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Apesar de ter a ponta da chave assegurada antes de a rodada começar, o técnico Paulinho Kobayashi mandou a campo um América com força (quase) máxima. O volante Felipe Guedes, suspenso na vitória por 2 a 1 sobre o Floresta-CE no último domingo (22), era o único desfalque. No Campinense, além de três ausências por lesão que atrapalharam o time na rodada anterior, o técnico Luciano Silva teve a baixa de cinco atletas, dispensados após a derrota por 2 a 1 para o Afogados-PE, no sábado passado (21), que decretou a eliminação da Raposa.

Mais completo, o Mecão foi melhor no primeiro tempo. Logo aos três minutos, o atacante Wallace Pernambucano, de cabeça, obrigou o goleiro Waldson a uma difícil defesa. Aos 23, em outra bola na área, o atacante Dico escorou por cima. O Campinense só chegou com perigo aos 16 minutos, em finalização cruzada do atacante Matheus Regis, defendida pelo goleiro Vítor Paiva. A Raposa até melhorou após a paralisação do jogo para hidratação dos atletas, mas sem criar lances de grande perigo.

Apesar do calor de 32ºC, os times voltaram do intervalo acelerados, mas com a pontaria descalibrada. Aos sete minutos, o meia Rondinely, da entrada da área, chutou por cima da meta raposeira. Dois minutos depois, em nova investida do América, o lateral Carlos Renato recebeu pela esquerda e bateu cruzado, rente à trave. O Campinense respondeu aos 11, em arremate do lateral Alex Murici que o atacante Rafael Ibiapino, ao completar o chute, acabou, sem querer, tirando a bola do caminho do gol.

Aos 25, Wallace Pernambucano girou na área, próximo à marca do pênalti, mas bateu alto demais, perdendo outra oportunidade para o Mecão. Aos 31, foi a vez de o Campinense falhar na finalização: Rafael Ibiapino cruzou pela direita e Matheus Regis, com o goleiro americano vencido no lance, cabeceou torto. Nos acréscimos, Matheus Regis recebeu pela esquerda, dentro da área, e chutou cruzado a meia altura, ao lado do gol. Foi a última das inúmeras oportunidades perdidas no Amigão.

Confira a tabela completa da Série D do Campeonato Brasileiro.


Publicado em Deixe um comentário

Na Série B, Náutico e Vitória ficam no 0 a 0 em Recife

Compartilhar:

No Estádio dos Aflitos, Náutico e Vitória fizeram a última partida da 23ª rodada da Série B na noite desta quarta-feira (25). Em um duelo de equipes que brigam para fugir da parte de baixo da tabela, pernambucanos e baianos não conseguiram sair do 0 a 0.

No primeiro tempo, o jogo foi muito truncado e teve poucas chances de gols. O Vitória, aos 11 minutos, até ameaçou o gol do Náutico. Faltou muito pouco para centroavante Léo Ceará alcançar o cruzamento de Rafael Carioca. A melhor oportunidade do Timbu veio em chute de fora da área de Ruy. Só que o goleiro Ronaldo não teve problemas para defender.

Os últimos quarenta e cinco minutos foram um pouco mais agitados e com o predomínio dos donos da casa. Aos 13, Erick teve boa chance, com um chute em curva de fora da área. A bola passou raspando a trave direita do gol de Ronaldo. Aos 21, Hereda pegou um rebote e soltou uma bomba e Ronaldo precisou trabalhar mais uma vez. Aos 29, novamente entrou em ação a dupla Erick, pelo Náutico, e Ronaldo, pelo Vitória. O atacante chutou de esquerda de longe e o goleiro evitou novamente o gol dos pernambucanos. Aos 42, foi a vez de o Vitória criar a melhor chance. Com muito perigo, Mateusinho chutou forte e a bola passou perto da trave.

E, já nos acréscimos, o meia Dadá do Náutico recebeu livre na marca do pênalti e bateu colocado. O goleiro Ronaldo ficou só torcendo, e a bola se chocou com a trave esquerda. E ficou nisso. Náutico e Vitória não conseguiram abrir o placar.

Com o resultado, o Náutico se manteve na zona de rebaixamento, ficou na 17ª posição com 21 pontos. O Vitória vem logo acima, com 26 pontos na 16ª posição. A equipe baiana volta a jogar no dia 28 contra o CRB, no Barradão, às 18h30. Já o Náutico vai até o Rio Grande do Sul para enfrentar o Juventude, às 21h no mesmo dia.

Veja a classificação atualizada da Série B do Brasileiro.


Publicado em Deixe um comentário

Brasileiro: Ceará e São Paulo ficam no 1 a 1 em jogo atrasado

Compartilhar:

O São Paulo entrou no gramado do estádio Castelão nesta quarta-feira (25), em partida atrasada da 16ª rodada do Campeonato Brasileiro, com o claro objetivo de somar três pontos que o levassem à ponta da classificação. Porém, o Tricolor não conseguiu segurar a vantagem de 1 gol obtida no primeiro tempo, e acabou cedendo o empate ao Ceará logo no primeiro minuto da etapa final.

Assim, a equipe de Fernando Diniz perdeu a oportunidade de assumir a ponta da tabela.

O jogo

O São Paulo iniciou a partida dominando as ações, criando oportunidades e deixando os donos da casa em situação desconfortável. Assim, a equipe comandada pelo técnico Fernando Diniz consegue abrir o marcador logo com 10 minutos. Porém, o gol veio em jogada de bola parada, quando Reinaldo cobra escanteio para o zagueiro Diego marcar.

Com a desvantagem o Vozão consegue igualar a partida, mas o placar permanece inalterado até a parada para o intervalo.

Porém, logo no início da etapa final, o Ceará conseguiu a igualdade. No primeiro minuto do segundo tempo Léo Chú recebe de Lima e finaliza com eficiência para garnatir o 1 a 1.

As equipes até tentaram mudar o placar novamente, mas ninguém teve efetividade nas finalizações.

Veja a classificação atualizada da Série A do Brasileiro.


Publicado em Deixe um comentário

Marcelo Aith: Como ficam os prefeitos eleitos sub judice

Compartilhar:

Nas eleições do último dia 15, grande parte dos municípios do Brasil definiu seus futuros prefeitos, vice-prefeitos e vereadores, mas em alguns deles os eleitos estão a enfrentar batalhas judiciais para a confirmação das respectivas candidaturas, com o afastamento de eventuais inelegibilidades. …


Publicado em Deixe um comentário

Sistemas ficam fora do ar na tarde deste domingo (11)

Compartilhar:

​A Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação do Superior Tribunal de Justiça informa que, entre as 14h e as 18h deste domingo (11), os serviços associados ao Sistema Justiça do STJ estarão indisponíveis por necessidade de manutenção de sua infraestrutura de banco de dados. Informa ainda que os principais sistemas afetados por essa indisponibilidade são:

Central do Processo Eletrônico;

Consulta de Jurisprudência;

Sistema Justiça;

Baixa e Remessa de Processo;

Guia de Recolhimento da União – GRU;

Diário de Justiça;

Consulta Processual;

Gabinete Web.

    Fonte:  http://feedproxy.google.com/~r/STJNoticias/~3/b7rWQwMj-34/09102020-Sistemas-ficam-fora-do-ar-na-tarde-deste-domingo–11-.aspx