Publicado em Deixe um comentário

Paulista: Palmeiras e São Paulo empatam no primeiro jogo da final

Compartilhar:

O primeiro capítulo da decisão do Campeonato Paulista, entre Palmeiras e São Paulo, terminou em um empate sem gols na noite desta quinta-feira (20) no Allianz Parque. Agora, o título será definido no próximo domingo (23), a partir das 16h (horário de Brasília), no Morumbi. O jogo terá transmissão ao vivo da Rádio Nacional.

A primeira etapa do confronto foi muito disputado, com as equipes criando poucas oportunidades claras de marcar. As melhores chances vieram no segundo tempo, quando os goleiros Weverton, do Verdão, e Tiago Volpi, do Tricolor, tiveram mais trabalho.

Histórico

Atual campeão, o Palmeiras busca o bicampeonato paulista, feito que atingiu pela última vez entre 1993 e 1994, e pode chegar à 24ª taça estadual na história. O São Paulo não vence a competição desde 2005, com dois vices desde então (2006 e 2019). O Tricolor possui 21 troféus do Paulistão.

O Choque-Rei, como é conhecido o clássico paulista, volta a decidir o Estadual após 28 anos. A primeira (e até então única) vez que os rivais se encontraram em uma final foi em 1992. O São Paulo venceu os dois jogos que valeram o título, por 4 a 2 e 2 a 1, e levantou a taça. Em 2021, os times se enfrentaram em 16 de abril, no Allianz Parque, com triunfo do Tricolor por 1 a 0, gol do atacante Pablo, encerrando um tabu de 12 anos sem vitórias são-paulinas sobre o Verdão pelo Paulistão.


Publicado em Deixe um comentário

Pensando na final do Paulista, São Paulo tenta avançar na Libertadores

Compartilhar:

São Paulo e Racing se enfrentam às 21h30 (horário de Brasília) desta terça-feira (18) podendo se classificar juntos às oitavas de final da Libertadores, com uma rodada de antecipação. Se na partida que começa às 19h, também nesta terça, o Rentistas (Uruguai) não vencer o Sporting Cristal (Peru) no estádio Nacional de Lima, na capital peruana, brasileiros e argentinos – que possuem oito pontos e lideram o Grupo E – entram em campo no Morumbi garantidos na próxima fase. Os uruguaios somam três pontos e são os únicos que podem alcançá-los.

Com a classificação encaminhada ao mata-mata sul-americano, o Tricolor deve repetir o que fez na semana passada, quando empatou por 1 a 1 com o Rentistas, na capital uruguaia Montevidéu, e atuar com jogadores habitualmente são reservas. É que nesta quinta-feira (20), às 22h, a equipe começa a decidir o título paulista com o Palmeiras, no Allianz Parque.

O escrete dirigido por Hernán Crespo vive uma maratona desde que o futebol foi retomado no estado de São Paulo, após três semanas de interrupção devido a restrições da pandemia do novo coronavírus (covid-19). O duelo com o Racing será o 15° em 38 dias. No último domingo (16), quando goleou o Mirassol por 4 a 0 no Morumbi e se classificou à decisão do Paulista, o Tricolor foi a campo menos de 48 horas após derrotar a Ferroviária por 4 a 2 na sexta-feira passada (14), também em casa.

“Simplesmente não é uma opinião, mas é um fato. Isso aconteceu. Jogamos em menos de 48 horas e não foi a primeira vez no Paulistão. Agradeço aos atletas pelo esforço. Sem coração, sem gana, sem vontade, não se chega a lugar nenhum. Eles [jogadores] têm muito coração, muito mesmo, e demonstram isso a cada treino, a cada jogo, independente do resultado. Eu sempre digo que resultado é uma consequência. Seguramente, o que os atletas estão fazendo é empolgante”, afirmou Crespo, em entrevista coletiva.

O São Paulo deve atuar com Lucas Perri no gol; Rodrigo Freitas, Diego Costa e Bruno Alves formando o trio de zaga; Rodrigo Nestor na cabeça de área, Luis Orejuela e Wellington nas laterais direita e esquerda, respectivamente; Talles Cunha e Igor Gomes no meio-campo e Vitor Bueno e Luciano alinhando no ataque. Este último, habitualmente titular, está recuperado de lesão e só voltou a jogar no domingo passado, após duas semanas tratando um estiramento no posterior da coxa esquerda. O camisa 11 ainda está sem ritmo.

O Racing, por sua vez, também esteve em campo no último domingo, pela manhã, no estádio José Almalfitani, em Buenos Aires (Argentina), quando superou o Vélez Sarsfield nos pênaltis por 4 a 2, após empatar sem gols no tempo normal, pelas quartas de final da Copa da Liga Argentina. A Academia enfrenta o Boca Juniors na semifinal da competição local no domingo (23). Como o intervalo até o próximo compromisso é maior que o do São Paulo, o time de Avellaneda, na região metropolitana da capital, deve atuar com força máxima no Morumbi.

 

Radio Nacional


Publicado em Deixe um comentário

Palmeiras vence clássico e vai à final do Paulista

Compartilhar:

O domingo (16) na Arena Neo Química terminou verde e branco. Com gols de Victor Luís e Luiz Adriano, o Palmeiras ganhou por 2 a 0 o Corinthians. A vitória carimba o passaporte do Verdão para enfrentar São Paulo ou Mirassol na final do Paulistão. Luan ainda desperdiçou um pênalti para o Timão no fim do jogo. O resultado ameaça a continuidade de Vagner Mancini à frente da equipe do Parque São Jorge. Já o treinador português Abel Ferreira mostra um time cada vez mais compacto na defesa e letal nos contra-ataques.

Aos 11 minutos do primeiro tempo, Raphael Veiga cruzou pela direita. Roni se adiantou a marcação e chutou para a defesa parcial de Cássio. No rebote, Victor Luís só cumprimentou a bola para o fundo das redes. O mesmo lateral-esquerdo quase amplia, mas acabou acertando a trave. Aos 48, outra bola na trave após chute de Raphael Veiga. No rebote, Luiz Adriano marca, mas a bandeirinha Neuza Back anula o lance, assinalando o impedimento do jogador.

Na etapa final, o Palmeiras seguiu mais perigoso. Aos 30, Luiz Adriano tocou de primeira a bola do lançamento de Raphael Veiga, Rony devolveu e o centroavante bateu colocado para deixar Cássio sem nenhuma reação. 

Quase no fim do jogo, o Timão podia ter diminuído de pênalti. Na cobrança, Luan acertou o travessão do goleiro Weverton.

As finais do Paulista estão marcadas para 19 e 23 de maio, mas ainda podem ser pela Federação Paulista de Futebol. Na terça (18), já classificado para a próxima fase da Libertadores, o Palmeira enfrenta o Defensa y Justicia. Os corintianos cumprem tabela na quinta (20) contra o Sport Huancayo, pela Copa Sul Americana.


Publicado em Deixe um comentário

Paulista: São Paulo goleia Ferroviária e está na semifinal

Compartilhar:

O São Paulo avançou para a semifinal do Campeonato Paulista após superar a Ferroviária por 4 a 2, na noite desta sexta-feira (14) no estádio do Morumbi.

Agora, o Tricolor pega o Mirassol na próxima fase da competição. A outra semifinal será entre Corinthians e Palmeiras.

Domínio do São Paulo

A equipe comandada pelo técnico argentino Hernán Crespo começou muito melhor, criando oportunidades em sequência. Quando tinha 70% de posse de bola, o Tricolor abriu o placar. Aos 28 minutos Igor Vinícius cruzou para Gabriel Sara, que bateu de esquerda para vencer o goleiro adversário. Cinco minutos depois, o Tricolor ampliou com o volante Liziero, que marcou após nova boa jogada de Igor Vinícius.

A Ferroviária até ensaiou uma reação, com um belo gol de falta do camisa 10 Renato Cajá.

Mas o São Paulo continuava bem superior no confronto e, após o intervalo, conseguiu ampliar com Igor Vinícius. Após dar duas assistências, o lateral deixou o seu aos 6 minutos após passe de Benítez.

Aos 19 minutos o meia Benítez voltou a fazer o papel de garçom, ao dar passe para Pablo, que tocou na saída do goleiro Saulo para marcar.

No finalzinho do jogo, aos 37 minutos, Bruno Mezenga marcou o segundo da Ferroviária para manter a artilharia da competição com 9 gols.


Publicado em Deixe um comentário

Palmeiras vence Bragantino e avança para semifinal do Paulista

Compartilhar:

O Palmeiras garantiu vaga na semifinal do Campeonato Paulista, após derrotar o Bragantino por 1 a 0 na noite desta sexta-feira (14) em partida realizada no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

Agora, o Verdão enfrenta na próxima fase ou o já classificado Corinthians ou a Ferroviária, caso o clube grená supere o São Paulo também nesta sexta no estádio do Morumbi.

Palmeiras e Bragantino fizeram um primeiro tempo muito disputado, no qual cada equipe teve apenas uma oportunidade clara. O Verdão chegou com perigo com Danilo aos 19 minutos, em chute que terminou no travessão. Nove minutos depois Claudinho criou a melhor chance do Massa Bruta, ao acetar chute de voleio após cobrança de escanteio. O destino também foi o travessão adversário.

Com a igualdade no marcador, o técnico português Abel Ferreira sacou Rony do banco após o intervalo, e o atacante decidiu a parada as 32 minutos. Scarpa acertou chute no travessão e o camisa 7 marcou de cabeça após o rebote. Depois, bastou ao Verdão administrar o placar para ficar com a vaga.


Publicado em Deixe um comentário

Bragantino e Palmeiras decidem vaga nas semifinais do Paulista

Compartilhar:

Garantido nas oitavas de final da Libertadores com duas rodadas de antecipação, o Palmeiras volta as atenções para o Campeonato Paulista. Nesta sexta-feira (14), às 19h30 (horário de Brasília), o Verdão visita o Red Bull Bragantino no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP), pelas quartas de final do Estadual.

O duelo opõe os dois melhores times do Grupo C da primeira fase. O clube do interior encerrou a chave na liderança, com 23 pontos, dois a mais que o time alviverde. Por isso, tem a vantagem de realizar o jogo em casa.

O Massa Bruta também está envolvido em outro torneio continental, mas vive situação menos cômoda na Copa Sul-Americana. Só a vitória interessa na próxima terça-feira (18), contra o Talleres (Argentina) na briga por um lugar na próxima fase. Ainda assim, e mesmo considerando que uma eventual semifinal do Paulista seja disputada já neste fim de semana, a equipe do interior terá força máxima diante do Verdão.

“[A maratona está] muito grande e pesada. Em cima disso, a gente mesmo tem se preparado e se cuidado até em casa. Temos que descansar primeiro a cabeça, pois em jogos decisivos a pressão é grande”, disse o zagueiro Fabrício Bruno em entrevista coletiva.

O Bragantino deve ir a campo com: Cleiton; Aderlan, Léo Ortiz, Fabrício Bruno e Edimar; Ricardo Ryller, Lucas Evangelista e Claudinho; Artur, Helinho e Ytalo.

No Palmeiras, seguindo a tendência de todo o campeonato, a maior parte dos jogadores que saíram jogando na terça-feira (11) passada contra o Independiente del Valle, nos 2,8 mil metros de altitude da capital equatoriana Quito, pode ser poupada. O lateral Mayke, os volantes Danilo e Danilo Barbosa (que tem sido improvisado na zaga) e o meia Gustavo Scarpa, que entraram durante a última partida, devem ser titulares nesta quinta.

“O time do Bragantino é muito bom, mas o nosso também é. Estamos na batida, com jogo a cada dois dias, mas vamos fazer nosso futebol e dar o melhor em campo para sairmos classificados”, comentou Danilo em depoimento à TV Palmeiras.

A provável escalação do Verdão será: Weverton; Danilo Barbosa, Michel e Renan; Mayke, Danilo, Gustavo Scarpa, Zé Rafael e Matías Viña; Wesley e Willian.

Em caso de empate, a decisão será nos pênaltis. Quem avançar pode ter pela frente na semifinal o já classificado Corinthians ou a Ferroviária, caso o clube grená supere o São Paulo também nesta sexta, às 21h30, no Morumbi.

Ouça na Rádio Nacional


Publicado em Deixe um comentário

Avenida Paulista tem manifestação contra racismo 

Compartilhar:

O movimento Coalização Negra por Direitos realizou hoje (13), na Avenida Paulista, um ato contra o racismo com o lema  “Nem Bala, Nem Fome, Nem Covid. O Povo Negro Quer Viver”. A manifestação ocorreu na região do Museu de Arte de São Paulo (Masp), a partir das 17 h.

“Nós, negras e negros brasileiros em Coalizão Negra por Direitos, denunciamos ao mundo que vivemos em um país no qual amanhã poderemos estar mortos, pelo fato de sermos negros. Seja pelo coronavírus, seja pela fome, seja pela bala, o projeto político e histórico de genocídio negro avança no Brasil de uma forma sem limites e sem possibilidade concreta de sobrevivência do povo negro”, diz texto do manifesto divulgado pela coalizão.

O documento também destaca as mortes no Jacarezinho, no Rio de Janeiro, o crescimento da pobreza e desemprego no país e a falta de vacinas no Brasil. 


Publicado em Deixe um comentário

Capital paulista terá Dia D de vacinação contra gripe no sábado

Compartilhar:

A capital paulista realizará neste sábado (15) o Dia D de vacinação contra a gripe – vírus influenza. Na atual fase da campanha, estão aptos a serem vacinados gestantes e puérperas, povos indígenas, trabalhadores da saúde, profissionais da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), idosos com 60 anos de idade ou mais, e professores das escolas públicas e privadas.

Para a realização da campanha contra a gripe sem conflito com a vacinação contra a covid-19, a prefeitura de São Paulo decidiu realizar a imunização contra a influenza exclusivamente em escolas e estabelecimentos de educação. 

A lista dos locais de vacinação pode ser vista na página da prefeitura.

A partir do dia 9 de junho, poderão ser vacinadas contra a gripe na capital paulista pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis, pessoas com deficiência permanente, forças de segurança e salvamento e Forças Armadas, caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso, trabalhadores portuários, funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, e população privada de liberdade.

A estimativa da prefeitura é que até o dia 9 de julho, data prevista para o encerramento da campanha, pelo menos 4,7 milhões de pessoas recebam a vacina na capital paulista. No período, os paulistanos também poderão atualizar a caderneta de vacinação com outras vacinas, como poliomielite, sarampo, pentavalente, febre amarela e rotavírus.

Covid-19

Pessoas infectadas com a covid-19 ou que receberam alta há menos de 28 dias não poderão tomar a vacina contra a influenza. A aplicação também será adiada caso a pessoa tenha sido imunizada contra a covid-19 há menos de 14 dias ou se a segunda dose estiver agendada em menos de 14 dias.

“A vacinação contra a gripe é muito importante para reduzir as complicações e a mortalidade decorrentes das infecções pelo vírus influenza na população alvo, facilitar o diagnóstico diferencial entre covid-19 e demais doenças respiratórias causadas pela influenza e evitar internações e a sobrecarga do sistema de saúde”, destacou a prefeitura em nota.


Publicado em Deixe um comentário

Capital paulista recebe 273,3 mil doses da vacina da Pfizer

Compartilhar:

A prefeitura de São Paulo recebeu nesta quarta-feira  (12) 273.336 doses da vacina contra coronavírus desenvolvida pelo laboratório Pfizer. A partir de sexta-feira (14), as doses serão usadas para imunizar grupos elegíveis para a primeira aplicação da vacina. Entram nesse grupo pessoas com comorbidades na faixa de 50 a 54 anos. Pelo menos 100 mil doses serão descongeladas hoje e amanhã e enviadas às unidades básicas de saúde da capital.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Edson Aparecido, por enquanto, está suspensa a vacinação de gestantes e puérperas, com imunizantes de todos os laboratórios. A decisão acompanha a orientação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) após a suspeita de relação da morte de uma gestante no Rio de Janeiro com a vacina da AstraZeneca/Oxford.

“Hoje receberemos 144 mil AstraZeneca para aplicação de segunda dose a partir de sexta-feira. A vacinação das grávidas e puérperas está suspensa não só com a AstraZeneca, mas com todas as vacinas até que a Secretaria Estadual de Saúde faça uma redefinição”, disse Edson Aparecido. 

O secretário esclareceu que a vacina da Pfizer não será destinada a essas pessoas para que todo o grupo tenha oportunidade de ser vacinado, não só na capital paulista.


Publicado em Deixe um comentário

Santos vence São Bento e escapa de ser rebaixado no Paulista

Compartilhar:

 Sempre na primeira divisão. O Santos derrotou o São Bento por 2 a 0 neste domingo (09), na Vila Belmiro, e garantiu a permanência na Série A do Campeonato Paulista. Já o São Bento vai jogar a Série A2 na próxima temporada. Após muita tensão em boa parte do primeiro tempo, o Peixe marcou dois gols no fim da etapa inicial com gols de Lucas Braga e Kaio Jorge, e afastou o fantasma do rebaixamento.

O Santos partiu para cima desde o apito inicial do árbitro, contudo, não encontrava espaços para finalizar. O primeiro chute com perigo saiu apenas aos 21 minutos, quando Gabriel Pirani arriscou de fora da área e obrigou Luiz Daniel a fazer grande defesa. No rebote, Kaio Jorge jogou para fora, mas já estava assinalado o impedimento do camisa 9.

O Peixe passou 40 minutos com a posse de bola, mas sem efetividade. O jogo começava a ficar tenso para os donos da casa quando o gol apareceu. O Santos trocou passes dentro da área do São Bento até a bola sobrar para Lucas Braga, que teve tempo de ajeitar e bater cruzado de perna esquerda, rasteiro, sem chances para Luiz Daniel. Alívio santista na Vila Belmiro.

Aos 46 minutos, o Santos praticamente afastou toda a possibilidade de rebaixamento. Ângelo subiu pela direita e cruzou rasteiro. Kaio Jorge recebeu na pequena área e chutou no canto esquerdo para fazer o segundo.

A primeira chegada perigosa do São Bento veio apenas aos 14 minutos do segundo tempo. Daniel Costa cobrou falta pela esquerda e João Paulo finalmente trabalhou na partida. A equipe visitante assustou mais uma vez aos 26 minutos, novamente com Daniel Costa. Ele soltou a bomba de fora da área e a bola explodiu na trave direita de João Paulo.

O Santos passou a aproveitar o desespero do São Bento no fim da partida e quase ampliou o marcador. Aos 42 minutos, Jean Mota arriscou de perna esquerda, de fora da área, e Luiz Daniel fez boa defesa. No fim, vitória do Peixe por 2 a 0 e tranquilidade para os torcedores santistas depois de um Campeonato Paulista com desempenho muito fraco da equipe.